top of page
  • Foto do escritorSBP Advocacia

Alta de 137%. Paraná gera 13 mil empregos em março

O Paraná terminou o mês de março com saldo de 13.387 vagas de emprego com carteira assinada, melhor resultado do Sul e quinto melhor do País no período, atrás apenas de São Paulo (50.768), Minas Gerais (38.730), Rio de Janeiro (19.427) e Goiás (13.667).


O volume de empregos gerados no terceiro mês do ano é praticamente o mesmo de todo o Nordeste no período. Na comparação com março do ano passado, o crescimento foi de 137% (5.642 vagas em março de 2022, na série com ajuste).


Com esse resultado, o Paraná alcançou 44.618 vagas formais no primeiro trimestre do ano (fruto de 481.145 contratações e 436.527 demissões), quarto melhor resultado do Brasil, atrás de São Paulo (136.604), Minas Gerais (64.187) e Santa Catarina (48.471).


O País encerrou o trimestre com saldo de 526.173 vagas – ou seja, o Paraná representou quase 8,5% do total.


SETORES

O setor de serviços foi o responsável pelo maior número de vagas abertas em março, com 6.150.

Depois, estão a indústria (2.858), comércio (2.561), agricultura (844) e construção (974), com números positivos em todos os segmentos.


No segmento de serviços, os destaques foram administração pública (2.813), transporte, armazenagem e correio (1.172), alojamento e alimentação (1.081), informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas (617) e artes, cultura e recreação (158).


CIDADES

Nos dados por município, o principal destaque é para Curitiba, com um saldo de 1.602 vagas em março.


Os outros bons resultados vieram de São José dos Pinhais (886), Ponta Grossa (635), Maringá (524), Londrina (509), Cascavel (454), Pinhais (420) e Colombo (413).


Há ainda outros resultados expressivos em todas as regiões, como Toledo e Foz do Iguaçu (Oeste), com 363 e 275; Rolândia (Norte), com 230; Guarapuava (Centro-Sul), com 311; Fazenda Rio Grande e Campo Largo (RMC), com 297 e 298; e Campo Mourão (Centro-Oeste), com 273.


No acumulado do trimestre, os destaques são Curitiba (9.376), Londrina (3.043), São José dos Pinhais (2.000), Maringá (1.980), Toledo (1.799), Cascavel (1.775), Pinhais (1.698), Ponta Grossa (1.461) e Colombo (1.097).


RESULTADO NACIONAL

O Brasil gerou 195.171 empregos com carteira assinada em março. Os setores que mais criaram foram serviços (122.323 empregos formais); construção (33.641); indústria (20.984); e comércio (18.555).


SBP Notícias

Santiago, Bega & Petry Advocacia entre os Escritórios e Advogados mais Admirados do Brasil

https://www.sbp.adv.br/post/santiago-bega-petry-advocacia-entre-os-escritorios-e-advogados-mais-admirados-do-brasil



 

#SBPadvocacia #advocaciatrabalhista #empresas #empresário #indústria #empregador #recursoshumanos #trabalho #empresarial #gestores #maodeobra #mercadodetrabalho #paraná

bottom of page