• SBP Advocacia

Indústria responde por 40% dos empregos criados no Paraná

No ano, o setor já abriu mais de 28 mil novas vagas de trabalho no estado.


Dos 10 mil postos de trabalho abertos no Paraná em abril, 4.074 foram oportunidades criadas pela indústria. Os números do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged) revelam que novamente a indústria tem liderado o ranking de vagas no mercado de trabalho paranaense.

O comércio ficou em segundo, com saldo de 2.888 empregos ativos, seguido pela construção civil (2.014) e agropecuário (1.078). Já o setor de serviços fechou 35 postos no mês. Os números do Paraná seguem a tendência nacional.


A indústria do país registrou 19.884 novas contratações em abril. Considerando todas as atividades, foram abertos quase 121 mil novos postos de trabalho no mês em todo o Brasil.


A indústria saiu de um saldo negativo de 15 mil empregos em abril de 2020 para mais de quatro mil agora. Dos 24 setores da indústria de transformação avaliados, apenas dois demitiram mais do que admitiram agora: vestuário (-76) e impressão e reprodução de gravações (-16).


Já os maiores empregadores foram alimentos (1.141 novas vagas), seguido por madeira (824) e fabricação de produtos de metal (438). O setor automotivo, um dos mais relevantes do estado, também abriu 40 novos postos em abril.


Saldo da indústria no ano é positivo

No acumulado de janeiro a abril, os dados também são favoráveis. No Brasil, são quase 247 mil novas oportunidades abertas.


Já o saldo da indústria paranaense no período foi de 28.407 vagas. Dos 24 segmentos industriais avaliados no estado, apenas o de bebidas registra saldo negativo (-77). Confecções e artigos do vestuário lidera o ranking com 4.421 novas contratações, seguido por alimentos (3.624); madeira (2.756); fabricação de produtos de metal (2.273); e máquinas e equipamentos (2.149).


Produção Industrial

Abril foi mais um mês de desempenho positivo da indústria paranaense. A produção do setor registrou crescimento de 55% com relação ao mesmo mês do ano passado.


Foi o melhor resultado da região Sul e o terceiro melhor do país, superado apenas por Amazonas e Ceará.


A média nacional também foi de crescimento, 34,7%. Já em relação a março último, o crescimento foi menor. No Paraná, a indústria teve pequena elevação de 0,2%, já com ajuste sazonal, enquanto a média nacional apontou queda de 1,3%. Os números são do IBGE.


Máquinas e equipamentos cresceram quase 60% este ano em relação ao mesmo período do ano anterior.


Mesmo analisando meses iguais e ainda dentro da pandemia, com a indústria sendo considerada atividade essencial, as operações não foram interrompidas agora mesmo em fases de mais restritivas.


Acumulado do ano

No acumulado de janeiro a abril deste ano, o resultado também é positivo, com alta de 18,1% na produção industrial do Paraná em relação a igual intervalo de 2020.


Com isso, a região Sul lidera o crescimento no país. Santa Catarina teve o melhor desempenho (24,4%), seguida por Rio Grande do Sul (20,5%) e Paraná. O indicador médio nacional ficou em 10,5%. Nos últimos 12 meses, a alta na indústria paranaense chegou a 4,7%.


No primeiro quadrimestre deste ano, um dos setores com melhor performance tem sido máquinas e equipamentos, com quase 60% de crescimento em relação ao mesmo período do ano anterior.


Também merecem destaque o segmento da madeira (50%), fabricação de produtos de metal e automotivo, ambos com 41% de alta, além de móveis (36%) e minerais não-metálicos (34%). Dos 13 setores analisados pelo IBGE, apenas dois tiveram queda. Celulose e Papel (-6,6%) e Alimentos (-4,8%).


Na avaliação dos segmentos, comparando abril de 2021 com abril de 2020, das 13 atividades, apenas papel e celulose (-19%) e alimentos (-7%) ficaram abaixo do esperado. Embora ainda com crescimento expressivo por conta da base baixa de comparação no mesmo mês de 2020, o destaque foi o bom resultado do setor automotivo, máquinas e equipamentos, moveleiro, madeira, fabricação de produtos de metal e bebidas.

(Créditos: Fiep e IBGE) https://www.sistemafiep.org.br/

Notícias SBP Advocacia


SBP Advocacia entre os Escritórios Mais Admirados na Região Sul

https://www.sbp.adv.br/post/sbp-advocacia-entre-os-escritorios-mais-admirados-na-regiao-sul

Confiança da Indústria cresce em maio e interrompe ciclo de queda

https://www.sbp.adv.br/post/confianca-da-industria-cresce-em-maio-e-interrompe-ciclo-de-queda

Roberta Santiago é a nova presidente da AATPR

https://www.sbp.adv.br/post/roberta-santiago-e-a-nova-presidente-da-aatpr


Tags

#SBPadvocacia #advocaciaempresarial #direitotrabalhista #advcocaciaempreendedora #empresas #indústrias #empregador #trabalhador #empresários #direitodotrabalho #curitiba #paraná